A SINDROME DE SJÖGREN

A SINDROME DE SJÖGREN



A Síndrome de Sjögren é uma doença autoimune crônica, em que o sistema imunológico do próprio corpo do paciente erroneamente ataca as glândulas produtoras de lágrimas e saliva. Os linfócitos infiltram-se por estas glândulas provocando diminuição da produção de saliva e lágrimas. Características principais: secura nos olhos e na boca. Pode também causar secura de pele, nariz e vagina e pode afetar órgãos do corpo, inclusive os rins, vasos sangüíneos, pulmões, fígado, pâncreas e cérebro. Fadiga e dor nas articulações podem comprometer de forma significativa a qualidade de vida do paciente.

Estima-se que quatro milhões de americanos tenham a Síndrome de Sjögren, muitos deles sem diagnóstico. Nove entre dez pessoas com Sjögren são mulheres. Embora a maioria das mulheres diagnosticadas costume estar na menopausa ou ainda com mais idade, a Síndrome de Sjögren pode ocorrer também em crianças e adolescentes. Mulheres jovens com Sjörgren podem apresentar complicações na gravidez.

No Brasil, não se sabe o número exato de portadores da Síndrome de Sjögren. A causa ou causas específicas da (SS) não são conhecidas, mas múltiplos fatores provavelmente estão envolvidos, dentre os quais os genéticos, viróticos, hormonais ou suas interações.




Síndrome de Sjögren primária ou secundária:

Primária: ocorre de forma isolada, se há presença de outra doença de tecido conjuntivo.

Secundária: os sintomas são acompanhados de uma doença do tecido conjuntivo como artrite reumatóide, lupus ou esclerodermia.



FONTE: http://www.drashirleydecampos.com.br/noticias/13304




sábado, 21 de julho de 2012

A SAÚDE VAI BEM, OBRIGADA.


Que eu tenho uma doença autoimune, todos os meus amigos sabem. Quando iniciei este blog, meu propósito foi postar novidades sobre a SS - Sindrome de Sjöngren - e outras doenças semelhantes, tal como o lupus, a fibromialgia, a artrite reumatóide, etc. Dicas para mim mesma e para os seguidores/amigos também.
Muitas pessoas me agradecem e se dizem felizes com o papo sem compromisso que eu bato aqui. Pena que não posto tanto quanto gostaria! A vida anda meio corridinha.
Mas, no post anterior, eu falei sobre uma novidade, pelo menos para mim - a EFT- que em português recebeu o nome de ACUPUNTURA EMOCIONAL SEM AGULHA. Um tratamento que está se tornando conhecida no Brasil, a partir do site que leva o seu nome.
Bom, algumas pessoas criticaram o post, dizendo que não se pode confiar em tudo que é dito na Internet, que a técnica não tem aprovação da medicina e outras coisas mais, que não me afetaram de forma alguma. Até porque eu sou maior de idade - para ser sincera, sou muito mais que maior de idade - quase chegando aos 70, e  faço o que quero e como o blog foi criado por mim, posto o que quero também. Lê quem quer, segue quem gosta e acredita quem quiser...
Gente, não estou brava, apenas acho que as pessoas deviam se respeitar e respeitar os outros. Gostou ou não gostou, fale sinceramente, ou não fale, e pronto, não fique menosprezando a crença alheia. 
No site há uma observação que considero importante: "mesmo produzindo resultados clínicos impressionantes, a EFT ainda deve ser considerada como uma técnica em estágio experimental".
Muito bem!
Eu compreendi que a técnica está em estágio experimental, mas desejei fazer minha própria experiência e adorei o que senti. Não tem gente que se apresenta como "cobaia" em experimentos com medicamentos e vacinas, mais perigosos que uma simples técnica de autoconhecimento? Eu sou um "hamster" pronto para experimentar os exercícios.
E estou me sentindo muito bem, obrigada.
Não recebo nada, repito; isto não é propaganda, porque não conheço a pessoa responsável pelo site e pelo material divulgado; e não me sinto nem um pouco constrangida em postar, porque não peço a ninguém que acredite em mim.
As dores articulares, principalmente nas mãos e braços, diminuíram muito, sinto-me mais disposta a crochetar e tricotar, como fazia antes. Tenho dormido bem e acordado bem disposta. Pode até ser fruto da minha imaginação, mas que bom que minha imaginação está me levando a melhorar; pior seria se ela me levasse a chorar de dor! Não é verdade?
Bom, espero que todos encontrem um caminho para a melhoria das suas vidas. Bjks. Neli 
Alves
Comentários
4 Comentários

4 comentários :

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
Temos um Deus tão Bondoso que nos dá qualidade de vida quando a vida no-la rouba...
Seja feliz e abençoada!!!
Bjs de paz

Faniquito disse...

Oii, minha querida.

Eu fiquei muito feliz em saber q vc optou ,de maneira muito consciente , por um novo caminho para o seu problema de saúde e q isso esta te favorecendo muito e dando condições de bem estar...precisamos muito dele para ter um dia legal.

Qto as opiniões...sempre tem alguém q tem o imenso prazer de falar sobre aquilo que muitas vezes ela desconhece e que nem sequer vive.Esqueça as implicantes de plantão ( e pelo q li ,vc nem dá bola mesmo:) e siga em frente...faça tudo direitinho e fique bem...de preferencia com esse sorrisão franco bem estampado no seu rosto.

Gosto muito de vc e torço p/ que de tudo certo


Linda e abençoada semana

Beijinhos

Ana

Anônimo disse...

Estou descobrindo essa doença agora e estou muito assustada, pois estou no SUS e está tudo fritando de mais, é a cada dia os sintomas são mais visíveis. Por favor se tiver uma tentativa de estudo sobre essa síndrome que precise de cobaia, eu me ofereço.

Stephany R. de Andrade disse...

Ola, tenho 26 anos, sou mãe de gêmeos de 1 ano e 6 meses e estamos investigando se tenho a síndrome de sjogren. A minha avó paterna tinha e como tenho olhos muito secos e irritados (não tenho lágrimas nem para chorar), boca quase sem saliva e glândula linfática aumentada, o diagnóstico é quase certo. Estou começando a ler melhor sobre o assunto. Tenho muito medo de que, com o passar dos anos, a situação vá se agravando. Preciso ser forte pra cuidar da minha família.