A SINDROME DE SJÖGREN

A SINDROME DE SJÖGREN



A Síndrome de Sjögren é uma doença autoimune crônica, em que o sistema imunológico do próprio corpo do paciente erroneamente ataca as glândulas produtoras de lágrimas e saliva. Os linfócitos infiltram-se por estas glândulas provocando diminuição da produção de saliva e lágrimas. Características principais: secura nos olhos e na boca. Pode também causar secura de pele, nariz e vagina e pode afetar órgãos do corpo, inclusive os rins, vasos sangüíneos, pulmões, fígado, pâncreas e cérebro. Fadiga e dor nas articulações podem comprometer de forma significativa a qualidade de vida do paciente.

Estima-se que quatro milhões de americanos tenham a Síndrome de Sjögren, muitos deles sem diagnóstico. Nove entre dez pessoas com Sjögren são mulheres. Embora a maioria das mulheres diagnosticadas costume estar na menopausa ou ainda com mais idade, a Síndrome de Sjögren pode ocorrer também em crianças e adolescentes. Mulheres jovens com Sjörgren podem apresentar complicações na gravidez.

No Brasil, não se sabe o número exato de portadores da Síndrome de Sjögren. A causa ou causas específicas da (SS) não são conhecidas, mas múltiplos fatores provavelmente estão envolvidos, dentre os quais os genéticos, viróticos, hormonais ou suas interações.




Síndrome de Sjögren primária ou secundária:

Primária: ocorre de forma isolada, se há presença de outra doença de tecido conjuntivo.

Secundária: os sintomas são acompanhados de uma doença do tecido conjuntivo como artrite reumatóide, lupus ou esclerodermia.



FONTE: http://www.drashirleydecampos.com.br/noticias/13304




sábado, 14 de julho de 2012

BONECAS, DORES, EFT - tudo junto e misturado

Cinco das 10 bonecas que fiz para o Asilo São Vicente - Curitiba /PR
Gente querida,
eu vivo procurando coisas sobre a SS e outras doenças autoimunes. Mas, alguma vezes, eu nem estou procurando e algumas amigas dizem coisas que me animam intensamente. Foi o que me aconteceu há dois dias atrás. 
Todos sabem que eu sou artesã, e que pertenço a um grupo no Facebook chamado Bonequeiras sem fronteiras. É uma união de pessoas que fazem bonecas e distribuem para quem está precisando de AMOR!!! ,CARINHO!!! COLO!!!
Nossa primeira ação, comandada pela doce ANDRÉA CORDEIRO, do blog A CASCA DA CIGARRA, teve como objetivo acarinhar crianças que haviam sido despejadas de Pinheirinho/SP, um caso de extrema gravidade, muito comentado pela mídia.
Após esta, outras ações aconteceram, e foram distribuídas as bonecas que estavam armazenadas, que tinham sobrado da primeira ação.
A grande ação seguinte, que estamos concluindo agora, foi de conseguir confeccionar 150 bonecas e luvinhas sem dedo (mitene), para as avós do Asilo São Vicente, em Curitiba/PR. Ufa!!!! conseguimos.
Mas, acabei me desviando da notícia que queria dar. Voltando: outra menina e eu comentamos no grupo das dores que sentíamos quando queremos costurar, crochetar, etc. 
Minha amiga Caroline Maldonado  então nos falou sobre a EFT!!! Uau, eu pensei, que será isto?
Com as informações da amiga, entrei na página e não é que fiquei muito animada? 
Baixei o manual, inteiramente grátis, e passei parte da noite lendo e relendo as informações. A EFT é uma acupuntura sem agulhas. É autoaplicável, simples, e, pelo que estou sentindo, produz resultados desde o início. O que acho mais interessante é que você não precisa parar -aliás não deve- com nenhum tratamento, medicamento tradicional. EFT e medicina aliadas no tratamento das dores. 
Claro que estou nas primeiras autoaplicações, mas posso garantir que tenho sentido algumas melhoras. Vale a pena conhecer. Não tem custos, não tem contraindicação, e depende somente da própria pessoa que, mais tarde, se assim o desejar, pode entrar em contato com profissionais da área, fazer outros tipos de intervenções, participar de cursos e até de treinamento para aplicar as técnicas em amigos, parentes, etc. 
Gente, isto não é propaganda, não estou  recebendo nada pelo meu depoimento, apenas gostaria que vocês procurassem conhecer e, quem sabe, minorar as próprias dores. 
Continuarei publicando aqui as minhas impressões e melhoras, se Deus quiser. Bjks. Neli Alves
Comentários
7 Comentários

7 comentários :

Drika Sanz disse...

Oi Neli,
Te conheço do Facebook, via Bonequeiras sem Fronteiras. Eu tbm tenho doença grave e autoimune e não tinha ouvido falar nessa acunpuntura sem agulhas. Vou dar uma olhada quem sabe pode me ajudar tbm, não é?!? Melhoras para vc e conte aqui como está indo.
Abraços,

Neli Alves disse...

Olá Drika. Acho que vale mesmo à pena dar uma conferida. Estou bastante entusiasmada. Bjks

Caroline Maldonado disse...

Olá Neli!!!
OLha eu usei muito tempo o material gratuito e me fez sentir-me muito bem. Fiz o curso básico e foi maravilhoso e até hoje uso em meu di-a-dia.Me sinto imensamente feliz e com uma gratidao imensa eu sempre falo desta técnica pra todos acredito que todos nós seres humanos temos que estar em equilibrio e harmonia. Emocionei-me muito ao ler seu relato. Fica com Deus, beijao grande!!!

A Casca da Cigarra disse...

Neli, é muito bonito ver que no nosso grupo as ideais as dicas e o amor circulam e que enquanto ajudamos somos ajudadas. Fico muito feliz com isso. Desejo tudo de bom para você e Drika, pessoas que admiro e por quem torço muito!!

Telma Maciel disse...

É tão bonito esse trabalho... quem sabe ainda aprendo a fazer bonecas e tbm ajudo???
Vou dar uma olhada nesse site tbm... mas pensei mesmo na minha avó. Será q dá pra eu fazer nela?
Beijooo

Paulinha disse...

Neli querida!!
Poxa,muito obrigada por suas orações,olha elas andaram fazendo efeito heim!!!
Minha querida amiga já teve alta do hospital,meu filho esta bem e minha vidinha esta se encaixando gostosinha denovo!!
Sabe querida que de tanto trabalhar com as mãos(fazendo croche e digitando o dia inteiro na Lan House)Adquiri dores que tenho controlado dando uma pausa,fazendo um alongamento com suavidade e com aquelas bolinhas de fisioterapia,mas adorei a novidade,pois não pretendo de jeito nenhum deixar de fazer minhas atividades.
Mais uma vez Obrigada!!!
Um grande beijo e fica com Deus!!!

Neli Alves disse...

Fico muito feliz em saber que está tudo voltando ao normal. A vida é assim, às vezes um marasmo, outras uma montanha russa, mas temos que nos equilibrar. Você e família continuam nas minhas orações. Deus os abençoe. Neli